Portuguesa precisa vencer ela mesma para continuar existindo

A Portuguesa chegou no momento mais importante de toda a sua existência neste mês de junho. Ouvimos esta frase todos os anos, mas nunca foi tão real como desta vez. Uma eliminação nesta série D é o fim da existencia da Portuguesa no cenário nacional por menor que seja. Isso tudo é falar mais do mesmo, mas a Lusa precisa vencer não só o adversário, mais do que nunca a Portuguesa precisa vencer ela mesma nestes dois jogos que faltam da primeira fase da quarta divisão do Campeonato Brasileiro.

Torcida da Lusa – Foto: Divulgação

Parece que só a torcida enxerga a importância deste campeonato para a sobrevivência de uma instituição quase centenária e tão tradicional no cenário esportivo brasileiro. Jogadores com vaidade de jogador de série A, parecem não entender que o fim da Portuguesa não é ruim só para a Portuguesa, como também é ruim para eles, imaginem só você ter em seu currículo, acabar com um clube do tamanho que a Lusa tem. Diretores, cardeais, conselheiros, parecem não se importar com nada disso, brigando sempre e cada vez mais pela miséria que sobrou da Portuguesa.

A diretoria, que chegou prometendo transparência, que criticava ferozmente todas as outras diretorias e suas atitudes, caiu nas mesmas ações, não há transparência, a omissão chegou ao desrespeito com o torcedor de não fazer nem o mínimo das obrigações burocráticas e praticamente proibir a torcida de ver seu clube do coração ao não conseguir o laudo do Canindé em tempo hábil. O torcedor nunca se viu tão no escuro de informações da equipe, por culpa da própria direção.

Mas nada disso importa neste momento, a Portuguesa mais do que nunca, precisa de união de todos e não é da torcida não, é de lá de dentro, Jogadores, comissão técnica, staff, diretoria, opositores, é o momento de todos se unirem e deixarem de lado qualquer birrinha e jogar com “sangue no zóio” seja dentro ou fora de campo pela existência da única coisa em comum que temos, a Portuguesa de Desportos.

Pedimos aos jogadores que nestes jogos que faltam, se unam e façam o bem não só para a torcida ou para o clube, para vocês mesmos, é a carreira de vocês em jogo! Ou preferem ser lembrados pelo fim de uma equipe tão querida e gloriosa? Pedimos à diretoria que arregacem as mangas de uma vez por todas, cumpra as promessas feitas, vocês também serão lembrados!