Em novo vexame, Portuguesa só empata com o Villa Nova-MG

Fonte: Globo Esporte.com

A Portuguesa segue seu calvário na Série D do Campeonato Brasileiro. Jogando no Canindé sem a presença de torcida, a Lusa ficou no 0 a 0 com o Villa Nova-MG, na noite desta sexta-feira.

O resultado manteve o time paulista na lanterna do Grupo A13, com quatro pontos em quatro partidas disputadas. Os mineiros foram a cinco, na segunda posição. O líder é o Bangu, que tem seis e entra em campo neste sábado para enfrentar a Desportiva Ferroviária-ES, fora de casa.

Portuguesa x Villa Nova-MG no Canindé (Foto: Divulgação)

O jogo foi realizado com portões fechados porque a Lusa só conseguiu o laudo do Corpo de Bombeiros para liberar o estádio na manhã da última quinta-feira. Como o Estatuto do Torcedor diz que é necessário publicar a venda de ingressos e pontos de comercialização 48 horas antes da partida, a CBF não autorizou a presença de público.

Quando a bola rolou, os times mostraram apenas vontade, mas faltou inspiração. Houve uma expulsão de cada lado. Jonathan Lima, da Lusa, e Jhonatan Megson, do Villa Nova-MG, receberam cartões vermelhos por faltas mais duras – o jogador do Villa, inclusive, foi expulso direto, já o da Lusa tomou o segundo amarelo.

Ao fim da partida, o goleiro da Portuguesa, Ricardo Berna, lamentou a situação da equipe.

– É preciso entender que o clube começou do zero. A Portuguesa não é mais aquela equipe de anos atrás. O torcedor precisa continuar acreditando porque, só assim, o clube vai sair dessa situação.

A equipe do Canindé volta a jogar no sábado (17), novamente em casa, diante do Bangu, às 19h (de Brasília). Já o Villa Nova entra em campo no dia seguinte, quando receberá a Desportiva Ferroviária em Nova Lima.

Comentários

Fonte: Globo Esporte.com